terça-feira, 25 de maio de 2010

Saudades



Quero tanto apagar de mim as incertezas...
Me encontrava sozinha e as mágoas fizeram apagar
E esse sentimento me corrói a alma,
mas agradeço tenho inspiração para escrever...
Minha velha mania de escrever sentimentos, sentimentos...
Foi tão pouco o tempo não deu nem ao menos para avaliar,
Algo acontece dentro de mim e nem ao menos ao certo sei explicar,
o que se passa no meu interior?
Queria ao menos ter te conhecido melhor,
saber teus planos, os teus desejos
Te escrever... a sensação é que se reprimiu,
mas hoje soube que sonhei com você apesar de não lembrar a sensação é que você estava perto e não longe, tão perto de mim...
E nós ríamos, como se o novo começasse...
Será que seria digna de outra chance da vida?
Me disseram que sim,
e eu me culpei quis me esconder e não me encontrar com você.
Me vestiria eu de Gueixa?
risos... é mágico, mas me disseram que não era você,
fico a me perguntar será?
Meu coração é teimoso e escolhe você...
Foi tão pouco,
mas a impressão que tenho que Deus me guarda para você.
Conheci outras pessoas mais a minha alma viaja em pensamentos
e o meu espiríto pertence a Deus...
dinovo meu coração está cheio e é tão bom sentir essa emoção.
Queria que me permitisse poder sentir,
mas as tuas palavras foram não...
E como faço? Não sei se devo,
mas também não busco por respostas!
Quero te tirar da minha cabeça,
mas não consigo tudo me faz lembrar você,
se eu soubesse que você não tinha a intenção,
não teria te contado...
Existia segredos e houve mentiras, me curei,
mas chega doer a ausência e a forma brusca que tudo aconteceu.
Quero agora o que me venha trazer paz..
Quero um cúmplice, alguém que possa confiar...
Será que não é você e não consigo enxergar?
não sei te responder... vou buscar respostas,
mas ainda sinto... Saudades!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ocorreu um erro neste gadget