terça-feira, 28 de setembro de 2010

Sonhos e Incertezas


Sonho que atravessa a madrugada,
estava tão perto, mas está longe
As lágrimas a escorrer pelo seu rosto
e o vazio e a dor de um sentimento
Que a escolha levou embora...
Fiquei triste por te ver triste,
Me vi sozinha e ao seu lado alguém especial
Quando despertei você não estava ao meu lado
e o desespero tomou conta de mim
Meu coração saltitava...
Quantas saudades, as lágrimas também percorreram meu rosto
Eu senti a dor do teu coração...
Me perdoa cometi devaneios,
Sem você nada é como era antes
Vivo de deliríos e inconstâncias
Tento me esconder para não te achar dentro de mim
Precisava dizer essas palavras e mais uma vez me despedir
há a incerteza de saber se um dia você me amou, mas quero que saiba
Um dia eu te amei e foi o amor mais doce e puro...
Te agradeço por esse amor
Hoje o que me resta são apenas palavras...

quinta-feira, 23 de setembro de 2010

Prazer


Queria que tivesse sido de mansinho mas a intenção foi outra...
Apesar de tudo a sensação foi ótima
Prazer por prazer foi bom o que aconteceu,
Me agradei de tudo em ti,
Me fez lembrar de um tempo distante
Pelo que percebi você não é de ninguém
Eu gostei do amor bandido
Você me fez bem, quebrou o que faltava de mim
Sem fazer nehuma aliança comigo
você foi a parte de um presente
você sim foi uma surpresa
Teu corpo é maravilhoso
e eu fiquei boba
foi o melhor prazer sem se envolver
Os teus olhos são lindos, vão ficar guardados na minha memória
Que pena que foi tão pouco
Queria ter o prazer de novamente beijar tua boca
e sentir teu toque
e me acalmei em teus braços
e você queria saber o que passava na minha cabeça (risos)
passava tanta coisa que não teria como te explicar
eu voei contigo e me perdi,
mas ao mesmo tempo me achei e se pensava em só aproveitar
Fui eu quem aproveitou de tudo
Voltei a ser menina...
E quero que saiba que nunca você foi tão especial para alguém...
Até um dia...

quinta-feira, 16 de setembro de 2010

Em um tempo atrás


Essa é a letra da música de composição e interpretada por Fábio Júnior que um dia falou muito de mim, lembrei esse mês simplesmente... é linda a letra!
Choro Fábio Jr.
Composição: Fábio Jr.
Tem hora que bate Uma tristeza tão grande
Que eu não sei o que fazer
E nem pra onde ir
É tanta coisa
Que eu queria dizer
Mas não tem ninguém pra ouvir
Então choro sem ninguém ver
Eu choro
Faço o possível pra segurar a cabeça
Mas a emoção não quer
Que eu me desfaça
Ou então que eu esqueça
Do amor daquela mulher
E eu choro
Sem ela saber
Eu choro
Choro por tudo
Que a gente não teve
Por tudo que a gente não realizou
Choro porque eu sei que ainda te amo
E você me amou e ama
Choro por tudo
Se assim for preciso
Choro porque eu sei que ainda te quero
Choro por tudo
E por tudo lhe digo
Te espero, te quero
Te espero, te quero
Te amo

quarta-feira, 15 de setembro de 2010

Nova Paixão


Resistir? não dá mais,
só não quero mais amor de brincadeira
Quero seguir e o bom é olhar para os teus olhos
e ver um norte de emoções...
sabe? meu coração não é de porcelana
Te vejo e olho sedução e a solidão me consome
mas não vou mais fugir
Quero sentir o que você me traz, descubrir teu universo
Me deleitar e aproveitar o que você tem para me dar
Estou tirando as algemas do meu coração
Quero ver novamente a luz do sol
Não te prometo nada, só te digo não vou mais brincar
Dessa vez vou me permitir aproveitar cada segundo
Mesmo que seja engano e tudo se quebre
Quero saber que paixões terá?
O que se esconde dentro dos teus olhos
Quero muito que fique
Quero ser surpreendida
Nada de paixões bandidas
Dessa vez sem ilusões
Adorei o convite é tentador...
Quem não ama brinca de viver
Não quero matar meu coração
não vou jogar nada fora
e se for para valer por que não viver essa nova paixão
e alimentar esperanças, não faz mal te ouvir...
Vou esperar fazer sentido!

REVIGORE EM SEUS BONS MOMENTOS


"Desejo carinho, um abraço
e um pouco de ternura...
sei que por algum instante
posso sentir a intimidade do seu ser
tocar-te e dar prazer
fazendo seu dia inesquecível
caracterizando este lado irredutível

Não posso fugir do que sou
nem a tentativa de amar novamente
só não posso ser incoerente
como fui nas minhas 'últimas tentativas'
quando criei bobas expectativas
ao me dar demais
sem 'quase nada' receber...

Muitas vezes, um passo maior que a perna
e a vontade de dar amor
trazem inconseqüências e muita dor...
e aí me pergunto: 'ainda vale a pena?'
Claro, pois o que não vale a pena é solidão
sombras, carência e ilusão
sentimentos que guardados só pra si
não fazem seu mundo fluir

Revigore em seus bons momentos
retire dores e lamentos
e se redescubra a cada novo amanhecer
pra valer dizer: 'gosto de você!'.

(C. Eduardo™)
Ocorreu um erro neste gadget