sábado, 9 de julho de 2011

Ele é como o vento


Se Deus me desse mais uma chance de estar contigo, seria tão feliz...
Quantas saudades sinto...
Eu já tirei as amarras estou livre, mas ainda acorrentada em você
És como o vento que vem tão impetuoso...
Eu ainda te amo

2 comentários:

  1. Profundo Luana...e lindo!
    Espero que consiga o que desejas!
    Bj!

    ResponderExcluir
  2. O pior é que já não dá mais. É passado que surge e faz mal depois vai embora...lembranças!

    ResponderExcluir

Ocorreu um erro neste gadget