domingo, 4 de dezembro de 2011

Caminhos



Sinto tantas saudades e a manhã veio com o teu cheiro...
Queria tanto você aqui e a sua proteção e seu cuidado
Você chega e meu mundo se transforma
Queria que você segurasse a minha mão nesse momento

Hoje é tudo tão difícil, lembrei de tudo
De nós
Dos nossos grandes momentos
Nem ao menos posso voltar atrás
Se pudesse, viveria tudo outra vez

Lembrei dos detalhes, teu rosto cortado
O relógio na parede marcando a hora que você deveria chegar
Da chuva...
Quando ao portão você disse que me amava

Eu nunca disse que te amava, me perdoa
Mas realmente não sentia amor, eu dependia de você
Não te merecia
Sabe, conheci alguém que pode mudar tudo

Queria sentar contigo e te contar
Ele é especial, hoje estou em um labirinto
É frio e dói muito, saudades de tantas vezes
Que chorei em seus braços...

Não consigo chorar como antes
Não vejo saída
Mas sei que essa pessoa que surgiu...
Poderá me esperar na saída

Se ele deixar vou amá-lo...
Mas espero que seja feliz, deveria ter te dito Eu te amo
Por tudo que significou pra mim
Fica bem...e eu espero também ficar bem,
Vou achar um caminho...

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ocorreu um erro neste gadget