sexta-feira, 9 de dezembro de 2011

Na Sua é Sempre Melhor




Noite e o convite para dormirmos abraçados
Envoltos por cumplicidade
Quando você me convida como dizer não?
A vontade de ter teu colo era maior que a razão

Teu olhar as vezes me preocupa...
Você me chama e durmo ao seu lado,
Carinhos, afagos,
Desejos...
Que foram contidos pela ternura, por Deus

Nossas conversas prazerosas, nossa sede de futuro
O sono que vem sem pressa,
Dormir abraçada contigo e me sentir segura
O melhor? É saber que também se sentiu seguro...

Sonhos bons, noite intensa e a madrugada falando por si
O proibido e aceitável... inexplicável
Velar teu sono...por instantes acreditar
Ser tua amiga, companhia...

Agora meu cheiro ficou na tua cama...
Ter tua roupa vestida em meu corpo,
Sentir calor quando tua pele toca a minha
Dormir tranquila por saber que você estava ao lado...
Sua mão entrelaçada na minha representava a boa noite

E ao amanhecer, perceber que seus olhos estavam em mim
E ouvir de teus lábios um doce bom dia
E a breve pergunta: como foi a noite?
Eu te respondo... Perfeita!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ocorreu um erro neste gadget