sábado, 14 de abril de 2012

Inspiração de um Poeta




Já não quero mais manusear a caneta
E escrever sobre ninguém...
Não importa mais os meus sentimentos
Não interessa mais o quanto eu sinto

Quero encontrar um poeta que escreva
Versos sobre mim, que descreva o que sou...
Que descreva meu sorriso, minhas palavras, minhas vontades

Quero ser a inspiração do mais nobre poeta
Que esse respire, segure a caneta em sua mão
E no papel rabisque o amor que sente...

Que transcreva suas emoções a apenas me olhar...
Que um toque meu seja o motivo de muitas palavras
Que no encontro com esse poeta...
Eu possa dormir e acordar

E que a cada despertar pela manhã seja o motivo
Das mais belas palavras de amor
Quero ser a menina mulher que o poeta,
Procura desesperadamente...

A amada ao qual ele busca encontrar
Para preencher os espaços vazios
De um coração que deseja amar
Que este ame minha pele, a cor dos meus olhos
Os meus cabelos, o toque das minhas mãos

Que se apaixone por esse meu jeito bobo,
Pela minha risada e também quando estiver com raiva...
Mas que enxugue as minhas lágrimas
Quando ousarem cair e que me arranque de imediato
Sorrisos com seus versos engraçados

Enquanto não vem este poeta
Escreverei sobre ele e não vejo a hora
Desse momento chegar e me inebriar com tuas prosas e rimas
Fico aqui a imaginar-te, como as notas musicais

Notas que não vemos, mas sabemos que existem dentro
Das canções de amor e dentro de quem a compõe
Te espero e sei que será o encontro perfeito
Da mais bela poesia e do amor...

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ocorreu um erro neste gadget