terça-feira, 31 de julho de 2012

Conflitos


Pensei em te escrever antes, mas ainda não estava pronta...
Passei dias de fúria e inconstância por saber que estava perto
Foi assustador e a sensação dentro de mim era de alegria e tristeza
Quando me dei conta que pudesse ficar frente a frente contigo a ira era maior que a saudade

Tive que me recompor e lembrar dos momentos bons
E as lembranças invadiram minha noite
E a decepção tomou conta de mim novamente
pensei em arrumar novamente a mala e ir pra longe onde não escutasse teu nome

Chorei sim, por um dia  que eu quis te amar
Chorei por que,  eu me entreguei sem pensar
Eu confiei, acreditei
Eu me perdi e fiquei tanto tempo fugindo de tudo isso que te escrevo

Mas passou mais a sensação de incapacidade de inferioridade
diante desse furacão que passou por entre nós
Dessa tua maneira rude de agir
lembranças que ecoam na minha mente

Mas algo hoje posso te dizer você nunca foi com ninguém o que foi comigo
Conheci teus dois lados eu vivi o teu bom e o teu ruim
Eu tive o melhor de ti e o pior
Fui eu quem você escolheu para dormir contigo

Pra velar teu sono pra ouvir teus segredos
Foi comigo que você teve sua melhor dança
Te vi chorar, te fiz sorrir, você teve raiva
Eu também tive, foi uma história sem final

O bom é que você está bem e eu vou me recuperando os poucos
Foi mais fácil pra você... Que bom que você já tem outro alguém...
Arranco assim essa culpa de mim, nada adiantou...
Falar ao meu coração que você não era capaz de amar

E você me prometeu tantas vezes...Estou conseguindo viver, sem fugir, sem temer
Mesmo sabendo que não vai ser como o sonho, mas quero te dizer que ainda me lembro de tudo do teu cheiro, das tuas crises, das nossas brigas e de tudo eu sinto falta...
pensei que tinha me esquecido, mas vejo que não me esqueceu...

Realmente nada está encerrado, mas eu preferi viver mesmo sem você...




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ocorreu um erro neste gadget