quinta-feira, 21 de maio de 2015

Meu Presente, Tempo


Que sentimento é esse que chega devagar?
Precisei sentir a sombra desse passado?
Busquei em minha memória motivos que justificassem meu presente
E nesse presente te encontrei e pude entender a construção desse amor

Talvez não haja força em mim para te dizer as palavras que realmente devem ser ditas
Mas você, faz parte de tudo de melhor que existe em mim
E de como sou grata por esta sensação de maturidade...

Talvez meu amor eu só precise respirar e olhar para dentro de mim
Preciso me reencontrar, o melhor que há em mim, por que a tua presença...
Fez com que eu me perdesse em ti... Completamente.
O sono não tem vindo e tenho vagado em pensamentos que não sei explicar

O passado bateu a porta amor... E me trouxe lembranças que não queria voltar a lembrar
Sabe aquelas palavras que não usamos nunca?
Estão presas dentro de mim e precisam sair,
Mas o bom é que me sinto fortalecida por te pertencer

Você é meu doce presente, eu preciso apenas de tempo
Calma! Tudo vai ficar em ordem outra vez...
Nosso amor é forte e prevalece em nós dois.






Ocorreu um erro neste gadget